Escolha uma Página

EMPREGABILIDADE

Este tema veio a tona quando reencontrei um colega de trabalho que buscava se qualificar como gerente de projetos. Tirar a tão famosa certificação PMI.

Tentando entender os motivos pelos quais ele gostaria de se certificar, ele acabou me explicando que o mercado estava demandando certificações extras. Alem disso, quesitos como MBAs, outros idiomas e mais de uma graduação não eram mais suficientes.

Lembrei uma época que trabalhava em uma empresa que sugeria a existência de um mestrado profissional como um diferencial. Como assim? Mestrado para um cargo de secretariado? Há algo de podre no reino da Dinamarca (no caso, nos departamentos de recursos humanos que buscam qualificações do que outras características como as habilidades e atitude.

Voltando ao gerenciamento de projetos, os melhores profissionais da área não possuíam certificação, mas tinham o conhecimento teórico necessário para a condução de um projeto, habilidades e atitudes de um profissional da área. O famoso CHÁ.

O conhecimento por si só não forma profissionais de qualidade e também não garante nenhuma empregabilidade. Enquanto profissionais não perceberem isto, teremos um mercado muito forte de certificações e um mercado fraco de profissionais de qualidade.

Querem se tornar mu profissional de qualidade? Foquem no desenvolvimento do seu CHÁ. Ou seja, no aumento do seu conhecimento, no desenvolvimento de suas habilidades e em treinamentos na gestão de suas atitudes. Menos certificações, mais desenvolvimento humano.

Não acredita no que falo? Procure uma vaga em Start-ups. Vocês nem vão conseguir entender o que vão fazer ou o que é necessário para a vaga, mas isto é o futuro. O que vocês irão ver é como se recruta um profissional através do seu CHÁ.

 

Indicação de livro
O livro que recomento hoje é de um amigo. André Portes que tive o prazer de conhecer no mestrado. O livro dele fala sobre o profissional incomum. No livro, ele apresenta 8 características essenciais para se tornar um profissional que se destaca em relação aos demais. Ele tem ou consegue desenvolver os seguintes pontos fortes: autoavaliação; atitude; relacionamento; ordem, foco e disciplina; solucionador de problemas; marca; paixão; propósito.

Portes orienta os que querem obter essas qualidades ou aperfeiçoá-las. Com linguagem simples e repleta de pequenas histórias, é um livro essencial para quem deseja crescer na empresa ou buscar uma nova posição. Um livro que vale a pena.

O nome do livro é “O profissional Incomum” e você pode saber um pouco mais dele e do seu autor em http://andreportes.com.br/